GCM NEWS = Quando o sol se põe = MISERICÓDIA !!!!




    
Quando o sol se põe/ Às 23h de sábado, o repositor Robson Gomes da Silva, de 24 anos, foi assassinado e dois jovens, de 18 e 20 anos, foram baleados na Rua Nazir Miguel, Jardim Paulo 6, na Zona Oeste. Dois homens que estavam em uma Honda CG verde atiraram com pistolas calibres 45 e 380.
Às 23h40, o agente penitenciário Rodrigo Rocha Freitas, de 31 anos, foi morto no bairro Fundação, em São Caetano do Sul. Dois bandidos invadiram o imóvel onde ele estava e atiraram. Ele trabalhava no CDP (Centro de Detenção Provisória) de Santo André.
À 1h, Jonathan Severino da Silva, de 19, uma mulher de 25 e um jovem de 18 foram baleados na Rua 55, Jardim da Conquista, Zona Leste. Os matadores estavam num carro escuro.
Após sair de um baile funk na casa Expresso Brasil, na Avenida Aricanduva, Zona Leste, Wellington de Jesus Monteiro, de 17 anos, foi assassinado a tiros. Segundo a polícia, o autor do crime estava em um carro e teria sido abordado pela vítima de homicídio.
Seis pessoas foram baleadas na Rua Bernardo de Lima, Vila Matias, Zona Leste – duas delas morreram. Em Francisco Morato, na Grande São Paulo, um comerciante foi assassinado.
Bando faz arrastão nas Astúrias
Quatro criminosos invadiram o restaurante Monte Carlo, localizado na Rua General Rondon, 742, nas Astúrias, em Guarujá,  no litoral de São Paulo, no fim da noite de sexta-feira. Três dos bandidos entraram no estabelecimento comercial. O quarto assaltante ficou na rua, observando o  movimento para alertar os colegas  sobre a possível chegada da polícia.  Os bandidos roubaram joias, dinheiro, cartões bancários e celulares da vítimas.  Um dos fregueses do restaurante teve sua caminhonete Captiva roubada pelo bando.
A polícia, posteriormente, localizou o veículo em uma favela. Nada foi levado do restaurante. Cinco pessoas estiveram na delegacia para prestar queixa sobre o roubo.  Os bandidos pareciam calmos, mas eram ameaçadores. Dois deles aparentavam ser menores de idade e um chamava a atenção por ostentar diversas tatuagens pelos braços e no corpo.  As imagens do circuito interno de câmeras serão enviadas à polícia