VEREADOR Coronel Telhada apoia POLICIAIS da Guarda Civil Metropolitana - Agiram dentro da lei e tem todo nosso apoio.

Montagem criada Bloggif
Infelizmente não havia outra opção, era matar ou morrer.
Os GCM agiram dentro da lei e tem todo nosso apoio.
Fico também triste e sentido pela família do cidadão que infelizmente cometeu esse ato de loucura e insensatez...
A lei deve ser cumprida, doa a quem doer.
Tolerância Zero, JÁ......




Quero aqui hipotecar minha total solidariedade aos homens da Guarda Civil Metropolitana que infelizmente se envolveram numa ocorrência muito polêmica no último domingo quando um homem foi morto após ser abordado pela GCM e ter reagido a abordagem, atacado os GCM, roubado a arma de um dos guardas, atirado contra os dois GCM, até ser morto pelos mesmos.


Conversei com o Inspetor Gilson Menezes, Comandante da GCM e fui informado do seguinte:
O cidadão vendia água mineral irregularmente próximo ao Anhembi, onde ocorria a Bienal do Livro, na Zona Norte da capital e foi abordado por três guardas que estavam ali de serviço, regularmente escalados, justamente para coibir esse tipo de ação.

O infrator pegou o carro e fugiu. Na Rua Santa Eulália, em Santana, foi parado e abordado pela GCM. O homem era lutador de boxe e, entrou em luta corporal com um deles, conseguiu tomar o revólver de um dos guardas e disparou várias vezes, acertando dois GCM, o primeiro GCM foi atingido de raspão na têmpora e no peito e o segundo GCM foi atingido com um tiro transfixante no ombro.



Houve reação e o indivíduo levou seis tiros e morreu no local.
Os GCM foram socorridos ao Hospital Mandaqui e transferidos para o Hospital do Servidor Público Municipal, onde foram operados.
Isso é muito triste pois nenhum policial quer um resultado desse, matar um cidadão, mas o próprio cidadão escolheu esse resultado ao reagir a ação legal dos GCM, agredí-los, arrebatar-lhe a arma e efetuar disparos contra os mesmos.
Infelizmente não havia outra opção, era matar ou morrer.
Os GCM agiram dentro da lei e tem todo nosso apoio.
Fico também triste e sentido pela família do cidadão que infelizmente cometeu esse ato de loucura e insensatez...
A lei deve ser cumprida, doa a quem doer.
Nossas Forças de segurança devem ser preservadas e apoiadas pois é o único jeito de melhorar a segurança da nação.
Tolerância Zero, JÁ.


HOLERITE - ELETRÔNICO

Montagem criada Bloggif

POSTAGEM